Coifa, exaustor ou depurador: qual a melhor saída?

Para muitos, a cozinha é a parte mais importante da casa. É onde a gente prepara nossos alimentos e, normalmente, também fazemos as refeições. Nos últimos anos, a cozinha ganhou destaque como ambiente de convívio social. Quando reunimos a família e os amigos para colocar nossos dotes culinários à prova ou testar aquela receita diferente que vimos mais cedo na internet. 

Nesse contexto, a coifa, o exaustor e o depurador surgem como boas opções para deixar o ambiente limpo e agradável (e por que não, decorado?), além de livre dos odores de fritura, por exemplo.

Mas afinal, qual dos três escolher? Por isso, a gente traz esta postagem na medida para você que está em dúvida. Confira nossas dicas abaixo:

 

AS DIFERENÇAS
Exaustor
O exaustor troca o ar quente do interior da residência pelo ar frio do exterior. Não há processo de filtragem e ele não retira a gordura do espaço, apenas troca e substitui.

Depurador
Mais barato e compacto dos que os demais, o depurador filtra o ar, retém a gordura e devolve o resultado do processo ao ambiente. Não depende de tubulação e é ideal para espaços compactos.

Coifa
Existem dois modelos, que podem ser fixados na parede ou em ilhas: o primeiro, suga o ar quente e devolve-o purificado ao ambiente. Esse modelo funciona como depurador; o segundo tipo promove também a renovação de ar da cozinha, através de tubulação. Esse modelo funciona como exaustor. A coifa costuma ser mais completa, eficiente e cara do que os outros dois equipamentos.

 

COMO ESCOLHER
Uma escolha certeira leva em conta diversos fatores. No caso das coifas, por exemplo, leve em consideração as características do ambiente (dimensões do cômodo, possibilidade de chaminé…), a eficiência do motor e o tamanho do fogão, bem como seu uso no dia a dia.
Os fabricantes costumam indicar que a coifa seja 10% maior do que o fogão, distante dele 650 mm (mínimo) a 750 mm (máximo).
Para otimizar seu funcionamento, ligue a coifa 5 minutos antes de iniciar qualquer cozimento e desligue-a após 10 ou 15 minutos de finalizar o processo no fogão.
LIMPEZA
Prefira detergente neutro e esponja macia, a fim de evitar danos à coifa. É fundamental também limpar ou substituir os filtros do equipamento sempre que houver acúmulo de gordura ou mais ou menos a cada dois meses de uso. Modelos mais modernos possuem luzes indicativas a respeito dessas necessidades. Leia o Manual de Instruções atentamente, converse com profissional especializado ou diretamente com o SAC do fabricante.

Antes de mais nada, verifique quais são as exigências de sua residência. Não deixe de considerar espaço físico e objetivos de uso. Há diversas opções no mercado, com inúmeras composições de estilos, design e potência. Avalie bem e peça ajuda a um arquiteto ou mesmo a um vendedor experiente.

Se gostou de nossas dicas, compartilhe com seus amigos no Facebook. Não esqueça também de deixar seu comentário em nossa página oficial.

 

Fontes:
Zap em Casa
Leroy Merlin
Casa (Abril)
Magazine Luiza
Estilo de Vida